Começa novo chamamento para empresas da lista de espera do Dimpe II

Processo foi iniciado após a desistência ou desclassificação de nove empresas sorteadas

A Prefeitura de Indaiatuba iniciou nesta semana o chamamento das empresas que integram a lista de espera para a aquisição de lotes no Dimpe II (Distrito de Micro e Pequenas Empresas). Após a desclassificação ou desistência de nove empresas contempladas, a Secretaria de Governo, convocou os primeiros colocados da lista de espera para efetuarem a escolha do lote.

Foram chamadas as seguintes empresas: E.L. de Souza de Araújo Com. De Móveis Me; L A Brizolla Transportes; Marcio Silva Mazeto ME; W Hammer Usinagem e Ferramentaria LTDA; Ricardo Monteiro Marco Neto Papelaria – ME; Engevert Ltda ME; Tok de Classe Mármores e Granitos de Indaiatuba Ltda – ME; Raffaele Francischeti; T. dos Santos Móveis – EPP.

Das empresas convocadas nesta semana, duas também desistiram da aquisição do terreno. Desta forma serão chamadas as próximas da lista, conforme o sorteio. São elas: Estamparia de Metais América Eireli e Alluminy Esquadrias de Alumínio. O secretário de governo, Renato Stochi, afirma que todo o processo está sendo feito com transparência, seguindo a determinação da legislação.

O sorteio dos 123 lotes do Distrito foi realizado no dia 06 de junho de 2019 no Ciaei e foi realizado na presença de representantes das 341 empresas cadastradas. Para garantir mais transparência ao processo, além de ser realizado em sessão pública, o sorteio foi acompanhado por representantes da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), do Sesi (Serviço Social da Indústria), da Ampei (Associação das Micro e Pequenas Empresas de Indaiatuba) e da Aciai (Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Indaiatuba).

Conforme a Lei Municipal nº 6.763, as empresas contempladas têm que cumprir alguns prazos de construção para não perderem o direito ao lote. A apresentação do projetos, a partir da aprovação do projeto de construção. Para a conclusão da edificação e obtenção do habite-se, o contemplado terá até 30 meses, contados a partir da data do alvará de construção. Também terá prazo para a obtenção do alvará de funcionamento e início das atividades, que será de até 18 meses, a partir da data do Habite-se.

O novo Distrito está localizado na Alameda Capovilla, no Bairro Pimenta. São 123 lotes a partir de 300 metros quadrados cada, que juntos somam a área de 42.251,95 metros quadrados. O valor do metro quadrado do Dimpe II é 19,95 Ufesps (Unidade Fiscal do Estado de São Paulo). A lista completa das empresas contempladas e os lotes escolhidos está disponível no link https://www.indaiatuba.sp.gov.br/governo/assuntos-industriais/dimpe-2/sorteio/ .